Ambiente de desenvolvimento web no Mac OS sem dor

Você já precisou configurar rapidamente um ambiente de desenvolvimento PHP? Nada é tão simples quando se está com pressa.

Sempre que preciso formatar meu computador, a principal coisa que penso é no trabalho que vai dar configurar todo o ambiente de desenvolvimento novamente e subir os sites que estão locais na minha máquina.

Configurar PHP, MySQL, e Apache ou o Ngix para que funcionem redondinho é uma delícia se você tem tempo e gosta da linha de comando. Mas no mundo corrido em que vivemos, nem sempre isso é possível.

Pra isso criaram uma ferramenta de instalação simples que deixa o ambiente configurado e pronto para ser utilizado.

O Valet é um ambiente de desenvolvimento para Mac criado pela equipe do Laravel, mas suporta não só o próprio Laravel, como uma série de outros frameworks nativamente. É possícel até compartilhar sites locais publicamente usando túneis (Achei essa parte incrível!). Você não precisa mexer em configurações de hosts para cada site que for desenvolver.

O Valet configura seu Mac pra sempre rodar o Nginx em segundo plano quando sua maquina ligar. Então, usando o DnsMasq, ele faz um proxy de todos os endereços com domínio *.test para apontarem para os sites instalados localmente em sua máquina.

Instalação

A instalação do Valet depende do Homebrew. Eu já falei dele em outro post. Se você não conhece ou não usa o Homebrew, deveria!

Então a instalação é simples e direta:

  • Instale ou atualize o Homebrew para a ultima versão usando brew update
  • Instale o PHP 7.1 via Homebrew usando brew install php71
  • Instale o Valet globalmente via Composer com composer global require laravel/valet
  • Adicione o caminho ~/.composer/vendor/bin  no seu PATH de sistema
  • Rode o comando valet install . Isso irá configurar e instalar o Valet e o DnsMasq, e registrar os serviços do Valer para serem iniciados com o sistema.

Depois de instalado, você pode pingar qualquer domínio *.test  no seu terminal e o Valet deverá responder corretamente no IP 127.0.0.1 .

O Valet vai iniciar o serviço automaticamente no boot da máquina, então não é necessário rodar valet start  ou valet install  toda vez depois da primeira instalação.

Servindo sites

Depois que o Valet estiver instalado, você pode comerçar a rodar os sites localmente. Pra isso temos dois comandos: park  e o link.

Park

Se você tem uma pasta onde todos os seus sites estão organizados, você pode resgistrar esse diretório no Valet.

  • Abra o terminal e navegue até a pasta. Por exemplo cd ~/Sites . E rode o commando valet park . Esse comando vai registrar o diretório corrente como um caminho onde o Valet vai procurar por sites.
  • Crie uma pasta simples para teste chamada “blog” e coloque um arquivo HTML simples dentro.
  • Abra http://blog.test no seu browser.

Isso é tudo. Qualquer outra pasta que você criar nesse diretório estará disponível no browser no endereço: http://nome-da-pasta.test.

Link

Esse comando é útil para adicionar um único site e não um diretório inteiro com vários sites.

  • Para usar esse commando, abra o terminal e navegue até a pasta do seu projeto, e rode o comando: valet link app-name  no seu terminal. Valet irá criar um link simbólico na pasta ~/.valet/Sites apontando para o diretório do seu projeto.
  • Depois de rodar o comando , abra seu browser no endereço http://app-name.test .

Para ver uma lista de todos os diretórios que você adicionou, use o comando  valet links . Você pode remover os links simbólicos com o comando valet unlink app-name .

Compartilhando sites

O Valet inclui um comando para compartilhar seu ambiente local de desenvolvimento sem a necessidade de instalar nenhum software adicional.

Navegue até a pasta do site desejado e execute o comando valet share.

Uma URL pública será adicionada no seu clipboard e está pronta para ser colada no seu browser. É só isso!

Para parar de compartilhar seu site, aperte Control + C para cancelar o processo.

Outros comandos

Você encontra uma lista de todos os comandos disponíveis digitando valet --help.

Fonte

Você pode encontrar a documentação completa do Valet em: https://laravel.com/docs/5.5/valet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *